Entenda o que é remarketing e veja possibilidades de aplicação

Conceito de impactar novamente um público existe desde antes do marketing digital


Table of Contents


Ilustração: uma mão dentro de um computador segura um alvo, representando o remarketing.Vamos começar esse artigo descrevendo uma situação que, muito provavelmente, o leitor já vivenciou: você entra em um site X e pesquisa sobre um telefone celular, mas não realiza a compra. Ao abrir qualquer outra página, surge uma super oferta do mesmo modelo que havia pesquisado anteriormente.

Essa é uma estratégia de marketing muito comum e que se estende para emails e redes sociais. O nome desse recurso, que tem como objetivo converter leads em clientes, é remarketing.

Neste artigo, vamos apresentar tudo o que você precisa saber sobre essa técnica e como ela pode ser importante para o seu negócio.

O que é remarketing?

Remarketing significa impactar novamente uma pessoa com uma ação de marketing, alguém que já tenha demonstrado interesse em um produto ou serviço.

O remarketing também pode ser exemplificado como uma ferramenta que identifica as pesquisas que os usuários fazem na internet e, a partir disso, oferece anúncios relacionados com o tema da busca.

Esses resultados podem aparecer no seu email, ao abrir outros sites e, até mesmo, enquanto se distrai no feed do seu Instagram. 

Pode parecer que essa é uma estratégia que nasceu com o marketing digital, mas a verdade é que ela é bem mais antiga do que isso. 

Os critérios usados por uma empresa para colocar seu anúncio em um outdoor. A escolha do local não é aleatória e passa por um estudo sobre o local, perfil do público-alvo e seu comportamento de compra. 

Se você for impactado pelo anúncio na segunda vez que passar por um outdoor, já pode considerar que o remarketing foi aplicado.

E o remarketing online?

Mão passam por cima de anúncios de sapatos, como se fosse uma compra online.Aqui, chegamos em um ambiente muito mais amplo e com diferentes possibilidades de aplicação do remarketing. Vamos explicar os tipos de remarketing que uma empresa pode utilizar no seu negócio:

Remarketing de display

O remarketing de display é aquele que citamos no início desse artigo, com anúncios em outros sites para promover sua empresa, produtos ou serviços.

Remarketing de pesquisa

Nesse tipo de campanha de remarketing são usados canais de páginas de resultados de mecanismos de pesquisa pagos para palavras-chave específicas. Por exemplo: você busca no Google por “viagem para Amsterdam”. Com essa técnica, um site de venda de pacotes de viagens pode aparecer no topo da página de resultados como um link patrocinado para pesquisas de palavras-chave usadas por usuários que já visitaram seu site.

Remarketing de vídeo

Este recurso é usado para mostrar anúncios no início dos vídeos no YouTube e em outras plataformas de vídeo.

Remarketing de redes sociais

Quem nunca fez uma pesquisa sobre determinado produto no computador e ao pegar o celular e entrar em alguma rede social se deparou com um anúncio daquele mesmo item? O responsável por isso é o remarketing.

Remarketing dinâmico

Essa é uma estratégia mais personalizada e envolve a divulgação de produtos ou serviços direcionados para o seu público-alvo, depois que ele já entrou no site e demonstrou interesse. Essas campanhas usam configurações e relatórios para alcançar visitantes anteriores.

Remarketing de email

É usado para direcionar os visitantes de um site que se inscreveram em uma lista de email. Esse recurso pode incluir anúncios para visitantes que não concluíram a compra, ou, ainda, para aqueles consumidores pós-conversão, a fim de fidelizá-los. 

Por que o uso do remarketing é importante?

Ao usar o remarketing nas mídias digitais, é possível ter uma mensuração dos resultados muito precisa. Isso também permite uma segmentação bem detalhada. É possível criar estratégias para uma marca ficar mais conhecida, entre outros objetivos. 

Tudo isso com a vantagem de poder usar uma diversidade de canais disponíveis para impactar os usuários que já tiveram algum tipo de contato com o seu serviço ou produto.

Como usar o remarketing?Dardos indo em direção a um alvo.

Confira o passo a passo de como incluir o remarketing na estratégia para aumento de vendas:

1. Criar um plano de campanha de remarketing

Nesta primeira etapa é preciso definir quais páginas do site irão rastrear a jornada do usuário, qual tipo de campanha de remarketing será utilizada e, claro, o investimento a ser feito. 

2. Oferecer ofertas especiais

Vale considerar criar uma oferta especial para atrair o seu público-alvo e induzi-lo a concluir a jornada de compra com a conversão. Pode ser um valor especial, frete grátis, entre outras possibilidades. 

3. Definir cronograma

Aqui, é o momento de decidir quantas vezes e por quanto tempo seus anúncios serão exibidos para o público-alvo. Lembrando que o excesso de propaganda pode cansar e afastar o seu cliente em potencial. 

4. Segmentar clientes pós-conversão 

O seu cliente em potencial realizou a conversão? Agora, você pode usar a campanha de remarketing para fidelizá-lo. Vale, por exemplo, enviar um cupom de desconto para a próxima compra. 

5. Revisar e analisar os resultados

Por fim, após implementar as campanhas de remarketing, é preciso acompanhar e medir os resultados.  Isso pode ser feito por rastreamento de quantos visitantes retornam ao site e, em seguida, pela taxa de conversão. A partir disso, vale fazer adaptações nas estratégias que não deram o efeito esperado e reforçar aquelas que foram eficazes. 

Agora que você entendeu como o remarketing pode impactar positivamente as suas vendas, entre em contato conosco, que nossos especialistas podem criar estratégias personalizadas para sua marca aumentar a audiência de seus canais digitais e conquistar novos negócios!

Nova call to action

ARTIGOS RELACIONADOS

NEWSLETTER

Cadastre-se para receber tendências e análises sobre as melhores práticas de marketing digital

Últimos Posts