YouTube SEO: saiba como ter mais visualizações orgânicas em seu canal

Ao aplicar o SEO para YouTube, você aumenta as chances de receber novas visitas e aparecer no Google


Table of Contents


Ilustração: homem de camisa amarela sentado no chão. Ao seu lado, há um notebook em uma representação em maior escala. O homem tem um semblante pensativo, representando o YouTube SEO.
À medida que o tempo passa, mais e mais profissionais de marketing se preocupam com o YouTube SEO. 

Isso tem uma explicação. 

É notável o aumento gradual da preferência do público pelo conteúdo audiovisual. Para se ter uma ideia, em 2020, 96% dos usuários aumentaram seu consumo de vídeos e 9 a cada 10 pessoas revelou a intenção de assistir a mais materiais no formato (Hubspot, 2020). 

Em 2022, seu consumo bateu um recorde de minutos assistidos por dia: 100 (Zenith Media, 2022).

Com isso, as empresas precisaram se adaptar. O uso do vídeo em estratégias de marketing de conteúdo aumentou de 61%  para 86% entre 2016 e 2022.

E a principal plataforma utilizada para tal é o YouTube, onde a cada 24 horas, são assistidas 1 bilhão de horas de conteúdo em vídeo (Invideo, 2022). 

Com o crescente número de canais e consequente aumento da concorrência, tornar esses vídeos rastreáveis se tornou essencial. 

Então, se você quer aprender a fazer com que mais usuários cheguem ao seu canal, continue a leitura. 

No texto a seguir, descubra o que é o Youtube SEO, como ele funciona e como aplicá-lo no seu canal. 

O que é YouTube SEO?

YouTube SEO é um conjunto de técnicas que visa posicionar os vídeos da plataforma em posições de prestígio nas páginas de resultados de busca. Com isso, atrai-se mais usuários, gerando mais visualizações e completando objetivos de marketing e de negócios. 

Ou seja, é uma maneira de gerar tráfego para vídeos e canais. Esses visitantes podem ser convertidos, posteriormente, em leads, clientes ou simplesmente renda direta por meio de anúncios. 

Nada menos que 70% dos vídeos assistidos no YouTube são oriundos das recomendações do algoritmo do YouTube (HootSuite, 2021).  

Para encontrar meios de se destacar, foram criadas as técnicas de YouTube SEO, que se atualizam conforme as atualizações da plataforma. 

Como funciona o YouTube SEO?
Ilustração: uma lupa sobre a página inicial do YouTube.

O YouTube SEO funciona com base em um cálculo matemático, um algoritmo que leva em consideração uma série de fatores de ranqueamento. 

De acordo com esses critérios e levando em conta o termo de busca digitado na barra de pesquisas, o mecanismo de pesquisa elenca os resultados que melhor correspondem à intenção de busca do usuário. 

Um detalhe importante: os vídeos do YouTube também podem ser exibidos como snippets nas páginas da busca orgânica do Google, fator que aumenta ainda mais a relevância do YouTube SEO. 

Como aplicar o SEO para YouTube?
Ilustração: homem segura um notebook em mãos e vários livros na outra. Ao seu redor, há vários ícones que representam mídias audiovisuais.

Existem diversas técnicas de SEO para YouTube. 

Apesar disso, é preciso manter-se sempre atualizado, já updates ocorrem com frequência. 

A seguir, conheça algumas delas. 

Utilização de palavras-chave no título

Palavras-chave (ou keywords) são os termos utilizados pelos usuários para encontrar o que desejam. 

Ou seja, o que digitam na barra de pesquisa. 

Existem ferramentas de pesquisa que revelam a quantidade de buscas realizadas para essas palavras-chave, como SEMrush, Moz e Ahrefs. 

Essas são opções pagas, mas existem alternativas parcial ou totalmente gratuitas que exercem função semelhante, como o Google Search Console, AnswerThePublic e o próprio buscador do Google, por meio do autocomplete ou das pesquisas relacionadas. 

Ao encontrá-las, adicione-as ao texto do título, potencializando sua rastreabilidade. Contudo, certifique-se de que soe orgânica e seja condizente com o conteúdo do vídeo. 

Otimização da descrição

A descrição do vídeo é mais um importante fator de ranqueamento para o YouTube. 

Aqui, se possível, insira também a palavra-chave e outros termos relacionados para agradar o algoritmo. 

Além disso, não é necessário exagerar no tamanho do texto. Afinal, os usuários da rede social esperam consumir o vídeo, e a descrição é apenas complementar. 

Aplicação de hashtags

A utilização de hashtags no YouTube serve para agrupar os vídeos e relacioná-los a temas de interesse do usuário. 

Ao aplicá-las, aumenta-se as chances de ser encontrado pelos usuários, inclusive nas recomendações automáticas de outros canais.

Com o aumento de visualizações, há também um crescimento nos rankings de pesquisa. 

Categorização

Nas configurações de qualquer vídeo do YouTube, é possível adicionar categorias. 

Essa é outra maneira de segmentar o material e aparecer em recomendações e playlists. 

Personalização de tags

As tags do YouTube funcionam como etiquetas para informar ao usuário sobre o contexto do vídeo em questão. 

Contudo, também alimentam o algoritmo. 

Elas são uma boa forma de driblar a limitação de caracteres da descrição e do título. 

Mas atente-se: não é porque uma tag é popular que você deve inseri-la. Use-as com precaução e somente quando forem adequadas ao conteúdo. 

Criação de thumbnail

As thumbnails do YouTube são miniaturas que acompanham as demais informações exibidas nos resultados da busca. 

Quando o gerenciador não as cria, a própria ferramenta seleciona uma parte do vídeo para exibição. 

Por isso, o ideal é criar thumbnails personalizadas, que refletem o conteúdo do vídeo. 

São um importante recurso de design e servem para chamar a atenção e conseguir mais cliques. E mais cliques representam melhores posições. 

Uso dos capítulos de vídeo

Os capítulos de vídeo são  marcações que aparecem na barra de progressão enquanto o usuário assiste ao conteúdo. 

São responsáveis por facilitar a sua navegação. Assim, ele pode assistir somente ao trecho que mais lhe interessa. 

Esse recurso é bem-visto pelos robôs do YouTube, já que melhoram a experiência do usuário.

Uma boa aplicação do YouTube SEO pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso de suas ações na maior plataforma de vídeos do mundo. 

Então, se você quer saber ainda mais sobre o universo da otimização, leia também sobre o que é SEO e dê um passo à frente em sua jornada. 

ARTIGOS RELACIONADOS

NEWSLETTER

Cadastre-se para receber tendências e análises sobre as melhores práticas de marketing digital

Últimos Posts